26 agosto 2010

Inspire-se!

Amo móveis, especialmente móveis infantis. Fiz uma seleção de imagens de bercinhos . Alguns são tradicionais, outros modernos e outros diferentes, sempre com um charme especial.
Para todos os gostos.


berço portátil first years
                                                           www.mundobebeonline.com.br

Estudo de Caso- Área de Serviço

Estou trabalhando no projeto da área de serviço de um apartamento e quero compartilhar com vocês o estudo do projeto. A área de serviço é o local da residência onde se desempenham múltiplas tarefas  mas, geralmente, não recebe devido valor. Os espaços são reduzidos e a decoração nem sempre é planejada. Cuidados especiais devem ser observados quanto ao piso (antiderrapante, sempre que possível evitando-se  ao máximo o uso de pisos muito lisos, polidos e escorregadios), iluminação adequada, revestimentos impermeáveis, cor alegre e motivadora, espaços para armazenamento. Não importando  o tamanho da família, os itens indispensáveis a esta área da casa são basicamente os mesmos: bacias, baldes, tábua de passar roupa, escadas, vassouras, materiais de limpeza e higiene, varal para roupas, vez por outra, caixa de ferramentas. Assim, a demanda por um bom planejamento para acomodar os apetrechos faz-se necessária. 



 Vejamos o nosso caso: Área de serviço de um apartamento,com  metragem de  2,46 m²  e apenas uma parede utilizável, já que a parede oposta ao tanque possui duas portas - do banheiro de empregada e do quarto reversível e a outra é ocupada pela janela.

Desenhei  num móvel que servirá de divisória, garantindo boa área de armazenamento e com gavetão frontal para roupa a ser passada. A preservação da iluminação natural e ventilação do ambiente foi fator importante no projeto. Para isso, precisei utilizar 35cm do espaço da cozinha.  Na parte superior,  armário suspenso  acomodará o aspirador de pó e  outros itens, e um  nicho aberto iluminado dá leveza ao conjunto. Ao lado dele, outro armário estreito e alto para as vassouras, ferro de passar, etc.. além do nicho para itens decorativos. A face voltada para a cozinha é revestida em madeira no armário superior e laminado branco no armário inferior, compondo com a decoração da cozinha. O varal para roupas ficará na parede oposta ao tanque. Escada de 5 degraus ficará  no banheiro de serviço, atrás da porta, pendurada em gancho.
Apesar da área reduzida, consegui  acomodar todos os itens necessários.
Para a parede da janela  acabamento com tinta PVA  da Coral (verde, no tom kiwi dourado), compondo com  pastilhas (10x10 - cor bege clarinha pontuada de peças em verde água)  que formam uma faixa de 30 cm e contorna esta parede da área de serviço estendendo-se até a cozinha, e listelos decorativos Portinari (otono verde aquar 30 x 60). Azulejos bege clarinho (crema valencia acetinado 20x30 - Portinari) revestem as demais paredes. Piso Porcelanato Portinari acetinado crema valencia. Os móveis são revestidos de laminado texturizado branco com bordas em carvalho antigo e puxadores em metal escovado. Tubo 6 cm de diâmetro, em metal  escovado, sutenta a pequena prateleira. Teto branco, luminária em vidro leitoso com acabamentos em metal escovado e branco. Spot branco embutido no nicho.
Espero que a proposta possa servir de inspiração.

18 agosto 2010

Plante uma Caixa !???

Como é que é? Plante uma caixa? Sim! a Life Box. Desenvolvida por Paul Stamets, micologista ( cientista estudioso dos fungos),  baseia-se na sinergia dos fungos e esporos de plantas e sementes infundidos dentro de materiais de embalagens que podem ser plantadas. Há várias versões da Life Box em desenvolvimento, mas a primeira à disposição do público é a chamada: caixa árvore da vida - Life's Tree Box - que vem com manual de instrução, mas basicamente funciona assim: você recebe a embalagem, rasga a caixa, planta no solo e rega. As sementes irão germinar. O plantio deve ser feito entre 1 e 2 anos do recebimento da embalagem, tomando-se o cuidado de não deixá-la  molhar antes disso.

 A caixa é feita de papel reciclado onde é inserida grande quantidade de sementes de árvores polvilhadas com fungos miconízicos que protegem e cuidam das mudas jovens.
O conjunto de 10 caixas de papelão é vendido por US$ 33. Para saber mais consulte www.lifeboxcompany.com
Idéias boas e aplicáveis que sirvam  para renovar nossas florestas são sempre bem vindas.

16 agosto 2010

Complementos de Decoração - Enxoval Básico de Mesa

x





Você já percebeu que fazer uma refeição em um bom restaurante  é especial não apenas pela comida ser saborosa e bem preparada, mas que tem todo um aparato, um ritual.  Todo um clima é criado para deixar aquele momento especial.






 E podemos fazer o mesmo em nossa casa. Ainda que  sem tanta cerimônia mas pelo prazer de estar feliz, compartilhando um momento especial, ou não, com aqueles a quem amamos. Um almoço informal, um jantar comemorativo, o chá da tarde, um jantar à dois. Sempre é muito prazeroso estar  ao redor da mesa para conversar e saborear uma deliciosa refeição. Até porque hoje em dia o número de homens e mulheres que tem-se dedicado aos cursos de gastronomia ou simplesmente aperfeiçoado suas receitas prediletas para curtir o momento à mesa tem-se multiplicado bastante.
   

 Uma bela feijoada também  é  motivo para uma decoração especial,  afinal o visual influi muito na hora de saborear as delícias à mesa.



Ao decorar a sua casa ou renovar seu enxoval lembre-se dos itens que deixarão mais bonito e prático o seu dia a dia e contribuirão para que seus momentos em família e com os amigos sejam mais agradáveis. Há ainda outro motivo muito importante que é a orientação quanto a quantidade de armários que serão necessários para compor sua cozinha e acomodar esses itens, caso esteja sentindo a necessidade de uma reforma. Um bom projeto vai prever armários e nichos  para acomodá-los e deixará espaço para itens futuros que você irá adquirir conforme sua necessidade e planejamento. Poderá também alertar para  a quantidade de itens que você deverá ou não adquirir caso  esteja montando sua primeira  casa e não disponha de muito espaço. Verifique a relação e planeje com cuidado.

Confira  os itens:
  • pratos rasos, fundos e de sobremesa (pelo menos 6 unidades de cada);
  • 1 faqueiro 24 peças para o dia a dia e outro completo para ocasiões especiais com utensílios de serviço. E ainda 6 facas de sobremesa avulsas, combinando com as peças do dia a dia.
  • pelo menos 10 copos para água, sucos ou refrigerantes .
  • taças para água, vinho tinto, vinho branco e champanhe (tem capacidades diferentes) 6 unidades de cada.
  • tulipas para chopp ou cerveja. pelo menos 12 unidades.
  • copos curtos para whisky e drinks (6 unidades de cada)
  • xícaras para cafezinho e para chá (6 unidades de cada)
  • bule, açucareiro, leiteira, garrafa térmica (1 para líquidos quentes e 1 para líquidos frios)
  • travessas para servir de cerâmica ou inox (pelo menos  duas rasas e 1 funda)
  • travessas refratárias (que vão ao forno - pelo menos 4) , também servem para servir no dia a dia.
  • 6 tacinhas ou cumbucas de vidro ou cerâmica para servir sorvetes ou mousse ou saladas de frutas.
  • 1 sopeira ou tijela funda
  • 2 bandejas, 2 jarras de servir suco (se vc mora sozinho pode ser uma pequena e uma grande)
  • pá para tortas salgadas e bolo também é bem vindo.
  • porta guardanapos 2 (um de inox)
  • 2 toalhas de mesa para uso diário, 2 toalhas de mesa em tecidos mais nobres com  os guardanapos de tecido
  • 3 jogos americanos para café da manhã e lanches.
  • Pelo menos 8 panos de copa
  • 1 jogo de facas de cozinha com a chaira (para afiar o fio das facas de corte).
  • descansos de copo (12)
  • balde de gelo com pinça, abridor de vinho, colheres longas para mexer drinks (4)
  • copos para licor, conhaque, vodka (6 unidades de cada)
  • paliteiro, saleiro, pimenteira ou moedor de pimenta e sal.
  • palitinhos para aperitivos.
É claro que as quantidades você irá  adaptar de acordo com o espaço disponível,  o números de pessoas da casa e o número de convidados que costuma receber com frequência (Aqui não falo em reuniões grandes, pois para isso há os aluguéis de louças ou os serviços de Buffet). O mesmo em relação aos acessórios para bebidas. Você deverá priorizar o que é realmente consumido pela família.Os modelos e cores devem obedecer ao estilo da decoração de cada casa e o quanto estão dispostos a investir, no momento, em cada item e de acordo com o seu  momento de vida também. Quem está montando a casa agora e não dispõe de grande orçamento, não precisa comprar itens caros, até porque com o tempo nosso gosto e necessidades tendem a mudar. O importante é adquirir itens com os quais você se identifique e que dará charme ao seu novo lar e tornará seu cotidiano mais fácil.   Vale lembrar que não constam os itens como os acessórios de cozinha: abridores de latas e garrafas, panelas, escumadeiras, conchas, espátulas, formas de bolo, pudim, formas de gelo e outros itens que o dia a dia pedirá. (faço o alerta para aqueles que estão indo morar sozinhos pela primeira vez e não estão acostumados com os apetrechos ).
Segue, para ilustrar, os itens de um faqueiro completo:
 

11 agosto 2010

Ainda Sobre Cores...



 As cores atuam em nossa mente e físico trazendo diferentes estímulos. Você poderá relembrar o assunto nas postagens anteriores sobre cores. Foram alguns pedidos para voltarmos ao tema e algumas dicas que achei importante compartilhar sobre as cores mais indicadas para diferentes ambientes que me trouxeram a esta postagem. Quem sabe alguém neste momento está se organizando para pintar a casa, escritório ou outro local de trabalho e irá se beneficiar. É tarefa trabalhosa escolher bem as cores para os ambientes, mas quando bem desempenhada os benefícios são inúmeros. Corpo e mente agradecem. E os negócios também. Então vejamos:
Azul - em tons pastem aumentam  a sensação de espaço e ajudam a acalmar. É ideal para dormitórios (conduz ao relaxamento), principalmente de pessoas de temperamento explosivo ou estressadas que tem grande dificuldade de se desligar dos problemas de trabalho. Espaços confinados como 
pequenos banheiros e boxes de chuveiros muito se beneficiam do emprego dos tons suaves de azul. Já nos ambientes frios, isto é, que recebem pouca luz solar, deve ser evitado pois aumenta essa sensação. Em tons escuros e fortes induzem à introspecção podendo ser depressivo, se não combinados com tons mais estimulantes. 
O azul esverdeado (turquesa) está relacionado à pureza e frescor da água. É excelente para banheiros, para cozinhas, em lugares de clima muito quente, para áreas de serviço. Estimula a comunicação e a fala sendo muito bem vindo  em salas de reunião e ambientes de trabalho. Utilize-o  juntamente com tons de laranja e pêssego, em cores e/ou objetos.
Os tons violeta e o roxo ajudam a desenvolver a percepção., apesar de seus tons mais fortes tenderem à depressão. Ideal para ambientes destinados à música, salas de relaxamento, estudos e escritórios pois estimulam o lado intuitivo das pessoas e devem ser combinados aos amarelos para acelerar o lado intelectual. Não é uma boa escolha para cozinhas, lavanderias, áreas de serviço e ambientes destinados a tarefas dinâmicas, tais como academias de ginástica) pois desencorajam o trabalho físico. Para closets , quartos de vestir e dormitórios os tons  lavanda dão tranquilidade e refrescam. Já o tom berinjela, rico, denso que cria cenários de reflexão, sinceridade, confiança, favorece a paciência,  a análise, a constância e  a  intuição é ideal para locais de trabalho onde se exercem atividades que necessitem ativar ou enfatizar estas características. Laranja é considerada a cor que mais estimula a sociabilização. Cor da criatividade, divertimento, alegria e bom humor. Tons de laranja criam atmosfera propícia ao movimento e ação. Deve ser empregada com cuidado em ambiente onde as pessoas se estressam ou se agitam com facilidade. Estimulante do apetite cai bem em cozinhas, salas de refeição e  copas em suas variadas nuances: terracota, caramelo, mel sendo exóticas e energéticas; ou em pêssego ou damasco - mais delicadas e aconchegantes. Nos locais de estudo e trabalho aceleram o raciocínio. Associada ao azul, sua cor complementar, cria áreas de repouso para os olhos e mente (detalhe de sua importância - veja postagem sobre cores em ambientes de trabalho). O amarelo é a cor da infância. Alegre, espontânea e divertida. Revitaliza o espírito e ilumina a  alma. Simboliza a riqueza, estimula a criatividade, o intelecto e o poder. É versátil, ajudando a estimular a digestão e também a comunicação. Não é uma cor muito indicada para dormitórios, pois como é estimulante para a mente, dificulta o dormir. Leva mais tempo para o cérebro se desligar e a pessoa pegar no sono. É cor indicada para salas de leitura, bibliotecas, nas salas de estar pode estimular conversas e discussões mais acaloradas. Ideais para banheiros e cozinhas de pessoas que necessitam de um estímulo matinal. 
Verde é uma cor que sugere honestidade, estabilidade e confiabilidade. É a cor da esperança, é confortante e anti estresse. Estimula o silêncio e o relaxamento. Espaços como sótãos ou apartamentos ou casa que recebem muito pouca luz solar ou estão inseridos em espaços sem vegetação se beneficiam de seu uso em tons pastéis. Deve ser empregado em locais onde grandes decisões são tomadas por acentuar o equilíbrio. Ambientes de relaxamento, salas de espera, quartos, salas de reuniões se favorecem com o emprego dessa cor. Em espaços onde atividades mais dinâmicas são realizadas, deve ser complementado com o amarelo, o vermelho ou o laranja. 
Branco é a cor da higiene, da saúde sendo ideal pra uso em cozinhas, banheiros, despensas, consultórios médicos e dentários. Ambientes totalmente brancos podem ser impessoais, monótonos e hostís. Usado em composição com qualquer cor dá destaque, fazendo-a sobressair.
Cinza quando complementado com cores vivas dá resultados muito interessantes, dinâmicos e elegantes. Deve ser usado com muita cautela em espaços muito extensos e ambientes de espera.
(Consultoria:  Projetando espaços - Miriam Gurgel, Habitania nº 91, Artigos diversos)

04 agosto 2010

Ilumine Bem Seu Negócio de Beleza

Ir a um Instituto de Beleza, especialmente para o público feminino, vai além da necessidade de cuidar de mãos, pés, cabelo...Tem um fundo psicológico importante. É o ser cuidada, separar algumas horas durante a semana tão corrida, para ser mimada, relaxar, cuidar do próprio bem estar. O empresário do ramo de beleza e estética que compreende essa necessidade investirá no conforto de sua clientela recebendo em troca um bem importantíssimo na acirrada concorrência dos dias atuais: a fidelização do cliente. Um meio muito eficaz de fazê-lo sentir-se acolhido é o emprego da cor, assunto que venho comentando em postagens anteriores. Tão importante quanto a cor temos a iluminação. Cliente reclamando com frequência  da cor da coloração ou da cor do esmalte ou da maquiagem que a deixou estranha pode ser indicativo de que a iluminação 
do local está ineficiente.


Uma boa iluminação não tem a ver com quantidade de lâmpadas ou luminárias dispostas  aleatoriamente. Um planejamento correto irá prever lâmpadas específicas, com excelente  IRC (índice de reprodução de cor) e luminárias que irão atender às necessidades de cada área específica de trabalho além da iluminação geral do espaço.
A recepção é a primeira visão captada pelo cliente e formará sua impressão sobre o negócio. Uma iluminação direcionada para uma parede trabalhada com texturas, ou um quadro ou mesmo o logotipo da empresa, já fará um diferencial. Veja na ilustração: o balcão de atendimento da recepção tem iluminação interna destacando o desenho, o logotipo de empresa (na parede esverdeda curva) é iluminado internamente e ainda há dois fachos de luz (amarelos )destacando as meias paredes do mezanino com decoração especial. Isso independente da iluminação geral no teto e forro rebaixado. Tudo para criar um ambiente aconchegante e convidativo. Áreas de trabalho de cabeleireiros, principalmente coloração e maquiagem, devem ser iluminadas com lâmpadas quentes e frias (lâmpadas PAR e fluorescentes com alto IRC (acima de 85 - este índice vem indicado nas embalagens das lâmpadas)  são bons exemplos. Acima   dos espelhos arandelas ou luminárias com vidro fosco são bem vindas para evitar o ofuscamento, prejudicial tanto para o cliente como para o profissional.  Na área de manicure uma iluminação geral clara, com lâmpadas com alto IRC, torna-se indispensável para a realização de um bom trabalho sem a necessidade de esforço visual intenso.

 Nos lavatórios a luz deve ser indireta. Nada de cliente com facho de luz direto em seus olhos. É desagradável.  As salas de estética, por terem múltipla função, necessitam de iluminação geral clara e precisa mas também de um circuito que traga aconchego e relaxamento o que pode ser obtido com lâmpadas de cor  dimerizadas  e efeitos especiais em rebaixos de gesso no  teto e efeitos nas paredes. Um pequeno tratamento paisagístico, sob a forma de um vaso de plantas bem cuidado e  iluminado ou mesmo um pequeno jardim, dependendo do espaço , dá um ar especial ao ambiente, humanizando-o. A vitrine precisa estar sempre muito bem cuidada assim como vidros e, principalmente a fachada da loja, com luz que a destaque e valorize. 

Garanta a qualidade e bom desenvolvimento do trabalho dos profissionais de sua empresa de beleza e estética e invista no conforto e bem estar de sua clientela. Você estará agregando valor ao seu negócio e o retorno será garantido.

02 agosto 2010

Desafios que nos desafiam a procurar viver mais e melhor

A foto que ilustra nossa postagem não é de um restaurante qualquer.É o BlackOut, um restaurante muito peculiar, e com nome muito sugestivo, já que é servido apenas por garçons cegos  e  os clientes comem na escuridão total, como se também não pudessem ver. Fica em um armazém renovado no velho porto de Jaffa, subúrbio de Tel Aviv. O armazém abriga também o café Kapish, no qual todos os garçons são surdos.


A grande estrela aqui não é a arquitetura ou o design do lugar, apesar de bonito e aconchegante. O armazém é a atual sede do Nalaga'at  (que significa em hebraico Toque, por favor)  e vem a ser um grupo teatral -único no mundo- formado apenas por atores simultaneamente surdos e cegos.
Atualmente estão encenando a peça "Nem só de pão". Em três anos de montagem o espetáculo já foi assistido por mais de 150 mil pessoas em Israel e no exterior. No mês passado, o grupo fez 12 apresentações em Londres e foi aclamado pela crítica.
Em uma hora e meia, a peça relata sonhos, aspirações e experiências pessoais dos atores surdos-cegos com muito bom humor. Uma equipe de oito tradutores ajuda o público a entender o que está sendo contado além de acompanhar os atores pelo palco. Também dão ritmo ao espetáculo ao bater  tambores, que sentidos pelos atores, servem de deixa para a próxima cena. Para Adina Tal, diretora da peça e fundadora do Nalaga'at, o segredo do sucesso é tratar os atores e  o público com respeito e sem apelação.
A experiência no palco é descrita pelo atores como libertadora. A ideia de criar o grupo de teatro surgiu há dez anos, após  Adina ser convidada para ministrar um workshop para surdos-cegos. Dois anos depois, estreava a peça "A luz é ouvida em ziguezague", com apresentações nos Estados Unidos e Europa. Em 2008 o grupo estreou a montagem  "Nem só de pão". O sucesso das peças fez com que o projeto se ampliasse para uma ONG voltada para pessoas surdas, cegas ou surdas-cegas com oficinas, cursos e espetáculos para adultos e crianças. Dois terços dos funcionários da organização tem alguma deficiência visual ou auditiva. Com suas atividades mais o café e o restaurante  a ONG tem a segurança de quase não precisar de doações para sobreviver.
Desafios colocados em nossas vidas podem servir como meio de crescimento próprio e do próximo. Oportunidades novas de fazer, criar e viver.
Esta postagem foi baseada na matéria de Daniela Kresch, para o jornal O Globo (2 de agosto de 2010). Acho que talvez alguns até leram a matéria, mas achei tão importante e encorajadora que decidi compartilhar. Não só pela criação do grupo e da ONG como pela criatividade com o atípico serviço no restaurante - imaginem um jantar totalmente no escuro, servido por garçons cegos  - como também pela lição de vida  e superação. O ser humano tem um potencial divino em si. Ao invés de passar a vida resmungando precisamos aprender a utilizá-lo para o bem - nosso e do próximo.